Revista Multimídia Ambiental

Pensando em um mundo melhor.

Saiba quais são os cinco países que mais usam energia renovável

em 03/10/2012

Novas tecnologias de energia renovável seguem em marcha batida na conquista de seu espaço, e muitos países se beneficiam ainda de seu potencial hidroelétrico. O jornal Christian Science Monitor publicou um ranking dos cinco países que mais utilizam energia renovável, para o bem do planeta

1. Estados Unidos, 24.7% do total global

O aumento de fontes alternativas de energia nos Estados Unidos se deve cada vez mais a incentivos fiscais e de outra natureza nos âmbitos federal, estadual e municipal, assim como no cumprimento de metas obrigatórias. Os EUA estão significativamente atrás da China em intensidade de investimentos em renováveis. Os esforços para a adesão a tratados internacionais, ou a introdução de medidas de redução de emissões de longo prazo e grande escala enfrentam resistências entre os republicanos no Congresso e parte do setor privado que se beneficia da energia suja.

2. Alemanha, 11.7% do total mundial

A Alemanha tomou a medida controvertida de prometer desligar todos seus reatores nucleares até 2022, em favor de outras fontes. É o único país no bloco do G20 que projeta um declínio no investimento em energia limpa, em parte por ter sido um primeiro líder no setor, assim como pela concorrência com produtores asiáticos.

3. Espanha, 7.8% do total mundial

A Espanha importa a maior parte de sua energia, embora em abril a eólica tenha se tornado a maior fonte de geração de eletricidade no país. Os produtores espanhóis estão também construindo turbinas e instalando fazendas eólicas internacionalmente. O mercado de energia alternativa do país tem atraído muitos investimentos de uma década para cá, ainda que o governo tenha parado de subsidiar a produção por conta do precário estado da economia local.

4. China, 7.6% do total mundial

A China é o maior consumidor de energia e o segundo maior importador de petróleo (a partir de 2009). O país também é líder global em investimento no setor de energia limpa, com metade do dinheiro para a eólica.

5. Brasil, 5% do total mundial

Reconhecido por sua produção de biocombustíveis, o Brasil está também envolvido com o desenvolvimento de tecnologias como o aquecimento solar de água, e por relações com países fora de sua região, como a China. O país incentivou grandes investimentos no setor eólico através de leilões do governo, desde sua introdução em 2009. O Brasil busca mais desenvolvimento no setor e quer polir suas credenciais verdes através de apoio interno e atração de investimento estrangeiro em energia solar – além de ter se comprometido em usar energia solar em todos os 12 locais da próxima Copa do Mundo, em 2014.

Fonte: Planeta Sustentável


Fale conosco, deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: